José Reis Chaves

>     Fiéis ao Espiritismo Científico, mas não ao seu lado evangélico

Artigos, teses e publicações

José Reis Chaves
>    Fiéis ao Espiritismo Científico, mas não ao seu lado evangélico

 


Como ensina Kardec, a doutrina dos espíritos caracteriza-se por três aspectos: Ciência, filosofia e religião. Cada espírita se encaixa, pois, na doutrina de acordo com seu nível de instrução. Mas hoje, há duas correntes nele, uma que se prende ao seu aspecto científico-filosófico, e a outra que está mais voltada para o seu lado religioso e que é mais numerosa.

Mas é óbvio que um espírita religioso pode se interessar também pelos aspectos científicos e filosóficos do espiritismo, e vice-versa, um espírita cientista pode também se interessar pelo seu aspecto religioso, o que faz engrossar ainda mais a fileira maior dos espíritas religiosos.

Porém Kardec adverte que a religião espírita é diferente das outras religiões, pois ela não tem rituais, sacerdotes e hierarquias, e adora Deus em Espírito e verdade, como ensina o excelso Mestre. (João 4: 23). E Kardec afirma que denominou o espiritismo de religião, porque ele não tinha uma palavra melhor para expressar o que ele queria dizer. E esclarece que o espiritismo é religião no sentido de ter uma ética e uma moral que são as mesmas do evangelho do Mestre dos mestres. E o mestre lionês acrescenta que o espiritismo tem bases fundamentais de religião, nesse sentido da ética e da moral evangélicas, e que, respeitando todas as crenças, tem como um de seus objetivos criar sentimentos religiosos nas pessoas que os não têm, e fortalecer esses sentimentos nas pessoas que já os possuem. (Kardec, “O Livro dos Médiuns”, Capítulo III, Do Método, Item 24, Ed. FEB, Rio de Janeiro, RJ, 2.000). Para Kardec, a doutrina espírita é para todas as religiões, não pertencendo, pois, particularmente, a nenhuma religião. Daí que ele até recomenda que ninguém deixe a sua religião. (Revista Espírita de fevereiro de 1862).

E ainda, eis o que ele disse no discurso em reunião pública, na noite de 1-11-1868, na Sociedade Parisiense de Estudos Espíritas, conforme a “Revista Espírita” de dezembro de 1868: “O espiritismo é uma religião e nós nos ufanamos disso.”

Os adeptos da doutrina dos espíritos, geralmente, não são fundamentalistas. Mas os da corrente científica, mesmo sendo muito espiritualistas, são pessoas irreligiosas, aumentando a fileira dos sem religião e dos materialistas, o que é meio estranho para o espiritismo. E se a doutrina dos espíritos adota a ética e a moral do evangelho do Nazareno, nós temos que estudar e muito o evangelho, para que possamos conhecer bem a sua ética e a sua moral, familiarizando-nos bastante com elas, para que possamos, assim, ter mais facilidade para as assimilarmos e as pormos, então, em prática na nossa vida.

De tudo isso se conclui que as casas espíritas estão mais do que certas em promover com intensidade suas palestras evangélicas, mesmo porque isso pode fazer parte, também, da corrente espírita científica, já que o estudo do evangelho e da Bíblia em geral não deixa de ser também parte dum estudo histórico. E História é também ciência!

 

> texto também disponível em pdf - clique aqui para acessar




Ficarei grato pela citação de meus livros:

“A Face Oculta das Religiões”, Ed. EBM (SP), “O Espiritismo Segundo a Bíblia”, Editora e Distribuidora de Livros Espíritas Chico Xavier, Santa Luzia (MG), “A Reencarnação na Bíblia e na Ciência” Ed. EBM (SP) e “A Bíblia e o Espiritismo”, Ed. Espaço Literarium, Belo Horizonte (MG) – www.literarium.com.br - e meu e-mail: jreischaves@gmail.com Os livros de José Reis Chaves podem ser adquiridos também pelo e-mail: contato@editorachicoxavier.com.br e o telefone: 0800-283-7147.

 



topo

 

Leiam outros textos de José Reis Chaves:



>   As 400 mil alterações da Bíblia e suas abusivas interpretações
>   O Aborto é condenado pelas religiões, mas com diferentes opiniões
>   Ampliemos Nossos Santos Patrimônios, Amando Nossos Demônios
>   Analisando-se as ressurreições, constata-se que elas são também aparições
>   A Bíblia não é a palavra de Deus, mas a palavra sobre Deus
>   O Criacionismo e o Evolucionismo são duas verdades possíveis

>   Criam-se conflitos e até traumas com as mudanças de paradigmas
>  O cristianismo está dividido entre os dogmas e o evangelho
>   Demos as mãos à verdade, acatando na Bíblia a Mediunidade
>   Deus Criador Incriado e Superior, e Deus Criador Criado e Superior
>   Deus e o livre-arbítrio
>   A Diversidade religiosa  
>   A doutrina evangélica das obras e a paulina de sacrifícios e da graça
>   Em grego e português, palingenesia é sinônima de reencarnação
>   Em Teologia não sejamos um moleque, saibamos, pois, o que é Filioque
>   É o Espírito Santo dogmático que causa polêmica, não o bíblico
>   Espiriticamente, como se explicaria a tragédia de Santa Maria?
>   O Espiritismo nada tem a ver com Bruxaria e menos ainda com feitiçaria
>   A Fé sem obras é a contrária à razão, a Raciocinada leva-nos à ação
>   Fiéis ao Espiritismo Científico, mas não ao seu lado evangélico
>   A fraca e estéril Fé da Educação e a forte e fértil Fé da Instrução
>   A graça divina é nula enquanto nós não nos dispusermos a recebê-la
>   A grande mentira: ninguém veio do além para nos contar como é lá
>   Há o nascer “de novo” do espírito sim, mas há também o da carne
>   Homens inspirados por espíritos tidos como Deus escreveram a Bíblia
>   Honremos a Bíblia Mosaica, mas sigamos a Cristã em nada judaica
>   A Mulher não é Ovípara
>   Nós nos movemos no tempo, mas é ele que se move em Deus
>   Para os Cristãos, ele é um Encanto, mas o que é mesmo o Espírito Santo?
>   Para uns a reencarnação é maldita, mas na verdade ela é bendita
>   As penas bíblicas são eternas e jamais poderiam ser sempiternas
>   Qual cristianismo é o verdadeiro, o dogmático ou o evangélico?
>   Qual é o certo, o Deus ou o espírito santo na terceira pessoa?
>   A reencarnação segundo a Bíblia e a ciência
>   Ressurreição e reencarnação, duas palavras que são uma
>   Satanás e diabos não são bem espíritos, e os demônios somos todos nós
>   Só de Deus é a Infinita Providência, e não é menor a sua previdência
>   Teologia nunca foi matemática, os Teólogos criaram essa problemática
>   Um Paradigma de Fé Ortodoxo, eis o que faz da Igreja um paradoxo
>   A universalidade da reencarnação
>   Vivam as crenças inclusivistas e Abaixo as Exclusivistas

 


topo


 

Acessem os Artigos, teses e publicações: ordem pelo sobrenome dos autores :
- A - B - C - D - E - F - G - H - I - J - K - L - M - N - O - P - Q - R - S - T - U - V - W - X - Y - Z 
  - Allan Kardec
   -   Special Page - Translated Titles
* lembrete - obras psicografadas entram pelo nome do autor espiritual :