Espiritualidade e Sociedade



Luiz Carlos Formiga


>   Drogas e Espiritualidade - instituições religiosas e dependência química -

Artigos, teses e publicações

Compartilhar
Luiz Carlos Formiga
>   Drogas e Espiritualidade - instituições religiosas e dependência química -


Embora a inteligência espiritual coletiva seja baixa, na sociedade moderna e possamos dizer que vivemos numa cultura espiritualmente estúpida, a maioria das comunidades terapêuticas é mantida por comunidades religiosas. Isso é fácil de explicar.

No prefácio da Revista de Psiquiatria, escrito pelo professor da Universidade de Duke, podemos verificar números. Uma pesquisa on-line na PsycINFO, uma base de dados que contém 2,3 milhões de pesquisas e artigos acadêmicos de 49 países em 27 idiomas, usando as palavras-chave “religion”, “religiosity”, “religious beliefs” e “spirituality”, revela algumas tendências interessantes.

Quando o professor restringiu os anos da busca de 1971 a 1975, foram identificados 1.113 artigos, mas ao repetir a pesquisa restringindo-a aos anos entre 2001 e 2005, obteve 6.437 artigos, havendo um aumento de mais de 600% em 30 anos. Assim, parece ocorrer um rápido incremento na pesquisa e discussão acadêmicas relacionadas à relação entre religião, espiritualidade e saúde mental.

Mudanças começaram a ocorrer na área da saúde mental na década de 1990 e na virada para o século vinte e um.

Investigações sistemáticas passaram a demonstrar que pessoas religiosas não eram sempre neuróticas ou instáveis e que indivíduos com fé religiosa profunda, na realidade pareciam lidar melhor com estresses da vida, recuperar-se mais rapidamente de depressão e apresentar menos ansiedade e outras emoções negativas que as pessoas menos religiosas.

Além disso, esses achados provinham não apenas de grupos de pesquisadores dos Estados Unidos, mas também de cientistas no Canadá, Grã-Bretanha, Irlanda, Espanha, Suíça, Alemanha, Holanda, outras áreas da Europa, Tailândia, Austrália, Nigéria, Egito, Oriente Médio e Índia.



O que se encontra sobre a religiosidade, a espiritualidade e o consumo de drogas?

A Revista de Psiquiatria, no seu suplemento de 2007, com Sanches, Z.M. & Nappo, S.A., nos informa que a “religiosidade e a espiritualidade vêm sendo claramente identificadas como fatores protetores ao consumo de drogas em diversos níveis.

Os dependentes de drogas apresentam melhores índices de recuperação quando seu tratamento é permeado por uma abordagem espiritual, de qualquer origem, quando comparados a dependentes que são tratados exclusivamente por meio médico. Concluem que “devido ao forte papel de assistência social das religiões no Brasil, a exploração deste tema no contexto brasileiro seria de grande relevância para a saúde pública.”


http://www.espiritualidades.com.br/Artigos/F_autores/formiga_Luiz_dependencia_quimica.htm

http://www.espiritualidades.com.br/videos/dependencia_quimica_e_espiritismo.htm

http://www.jornaldosespiritos.com/2007.3/col49.55.htm

RADIS Comunicação em Saúde nº 108, agosto de 2011, traz na página 5, uma súmula com o título: “Comunidades Terapêuticas No Apoio a Dependentes Químicos.

http://www4.ensp.fiocruz.br/radis


Nela podemos constatar que as entidades religiosas são importante recurso comunitário de apoio ao tratamento da dependência química no Brasil, embora alguns espíritas insistam em apontar em outra direção. Estes espíritas não estudaram o assunto e remam contra a maré, nos fazendo lembrar alguns elementos do governo e o ditado que diz “que a inteligência é pecado sem perdão, quando mediocridade tem poder de decisão”.

Nossos políticos estão oferecendo maus exemplos e nossas crianças vão acabar achando que corrupção é coisa normal.

http://orebate-jorgehessen.blogspot.com/2011/08/o-importante-e-fachada.html

Infelizmente nas nossas famílias também vamos encontrar maus políticos em relação a drogas socialmente aceitas. O depoimento que vem da secretária da Associação Médico Espírita (AME-Carioca) é revelador:

"Ando bastante preocupada, pois como realizo avaliação neuropsicológica, acabo me deparando com alguns transtornos nas crianças/adolescentes, cujos responsáveis fizeram ou fazem uso e abuso de drogas lícitas e ilícitas e a consequência é que os filhos estão abrindo cada vez mais cedo transtorno de conduta e comportamento anti-social, dentre outras coisas. Estou assustada."

Afinal, o exemplo arrasta.

Luiz Carlos D. Formiga


topo

Leia também outros artigos do Professor Luiz Formiga:


->  Alteridade - Termômetro
->  Anencéfalos, argumentos de ministros e "O Livro dos Espíritos"
->  Anomalias fetais: abortar?
->  Apego ao cargo - O poder neurótico
->  Borboletas na janela - texto conta a história de Helen Keller e discute preconceitos comuns
->  Casamentos, ricos e pobres de Espírito
->  Chorão e Retroalimentação
->  A Ciência do espírito
->  As Ciências Biomédicas, os Doutores, o Espiritismo e os Cegos de Nascença
->  Cirurgias, Materializações e Micróbios, Diferentes
->  O Cirurgião e a Doença da Negação
->  Contraceptivo - Titânio para prevenir aborto criminoso
->  Dano e dor sem nome
->  Dependência química - 1,3 bilhão de pessoas são dependentes do tabaco
->  Deus me livre!
->  Diante da Adversidade... A Melhor Defesa
->  Dignidade para a mulher - É necessário restabelecer a igualdade entre cidadãos
->  Discutindo a Sexualidade
->  Drogas. O exemplo Arrasta
->  Drogas e Espiritualidade - instituições religiosas e dependência química
->  Drogas. “Quase Viúva”
->  Ecologia da alma
->  Educação na idade dourada
->  Eleição? Antes de Votar pergunte ao Candidato Sobre o Aborto  
->  A Elevada missão da Ciência Espírita
->  Encadernação Vermelha, Bioquímica, Finados e Aborto
->  Ensino, Pesquisa e Ética na Microbiologia Médica
->  Escala de Valores, Cura e Prevenção
->  Espíritas e Voluntariado
->  Estudo das Células-tronco - Abordagem científica, jurídica e espírita
->  Ética, Sociedade e Terceiro Milênio
->  Evangelização Espírita e a "Febre das Almas Gêmeas"
->  EXU
->  Fatalidade
->  O Homem, a Mulher e as Linhas Paralelas
->  Ideologia de Gênero, Reencarnação e a Metade certa
->  Incentivar a pesquisa: Universidades brasileiras negligenciam a pesquisa
->  Mainha tinha razão
->  Máscara de Sanidade. Transtorno da Personalidade Antissocial
->  Médicos, Médiuns “de Bem” e o Aborto
->  Médium: “Cuidado Perigo!”
->  A Mulher do "Próximo" - dos delitos e das penas
->  “Não Vai Ter Copo!”
->  O que espero de meus médicos: Idéias para uma "Declaração de Direitos do Paciente Terminal
->  O Poder das Palavras, no Princípio era o Verbo
->  A política do aborto: O que se quer é “desumanizar” o embrião
->  Preconceito, Exclusão, Espíritas, Umbandistas e Ciganos
->  Queria ter um filho assim!
->  Razões da Dor - Os Espíritas e o STF diante dos Fetos Anencéfalos
->  Recebendo a visita de um morto, a cujo funeral compareceu
->  Sexo - Artigo de Compra e Venda
->  Somatização das Doenças
->  O Sonho de Nieta e o Pesadelo de Teresa
->  Suicídio e aborto de anencéfalos
->  Talento extraordinário
->  Tendências Reveladoras
->  Tons de Cinza
->  Umbanda e Candomblé: Torres Gêmeas Afro-brasileiras
->  Um "centro de referência" na UERJ: prevenindo demandas judiciais - Responsabilidade civil x erros de diagnóstico bacteriológico
->  Universidade e Suicídio - Discutindo Arquitetura e Prevenção
->  Vacinação desafio de urgência
->  Vida, Esperança e Fé, para Não Espíritas
->  A Visão Espírita dos sonhos
->  O Zigoto no banco dos réus: Visão espírita das pesquisas que usam células-tronco

Formiga, Luiz Carlos D. & Formiga, André Luiz B.
->  Direito à Saúde: a Constituição brasileira assegura o direito à saúde
->  Universidade da Alma. Cidade Universitária do Espírito

Formiga, Luiz Carlos D. & Formiga, Lívia B.
->  Há sempre um amanhã

Formiga, Luiz Carlos D. & Formiga, Sonia B.
->  Jesus, Tomé e Nós

 

>
topo